7.9.09

Desde quinta eu tenho raiva

Desde quinta eu tenho sentido raiva,
de ter que fazer escondido o que não é errado
de me olhar no espelho e achar
que eu não sou bonito como você quer
Desde quinta eu tenho sentido essa raiva
de saber que "amor da minha vida" e "eu te amo"
são muito óbvias pra eu poder falar agora
Desde quinta eu tenho me mordido com essa raiva
de ter vontade de dormir no seu colo
e tenho passado todas as noites sem dormir
com essa luz acesa
você sabe onde

1 comentário:

Maria Andrade Vieira disse...

fazendo vc escrever, jah to pegando bem com a garota.